fbpx

O que é Gestão em Logística?

O gerenciamento logístico engloba todo o planejamento, implementação e controle do fluxo de matérias-primas, estoque de semi-acabados, acabados e do fluxo e de seu respectivo fluxo de informações, do ponto de origem ao ponto de consumo.

O que estuda um Gestor em Logística?

Hoje existem cursos técnicos em logísticas, tecnólogos (graduação tecnológica) ou mesmo bacharelados na área. Ainda é possível estudar Engenharias, Administração ou Economia.

O que faz um Gestor em Logística?

É o responsável pela administração de materiais e recursos numa empresa, para otimizar o uso dos espaços e reduzir o tempo e o custo de cada processo. Controla o estoque e a armazenagem, planeja a movimentação interna e a distribuição entre fábricas, centros de distribuição e varejo. Comunica-se com fornecedores e clientes e opera sistemas eletrônicos.

Conhecimentos de um Gestor em Logística?

O conhecimento prático é definitivamente importante, contudo, a busca pelo conhecimento teórico e pelo aperfeiçoamento de competências é a chave para um profissional completo e diferenciado.

Há várias opções de qualificações nesse sentido, que vão desde cursos tecnólogos  que também são de nível superior, mas possuem duração menor que a de um bacharelado e graduações até pós-graduações, para aqueles que já se formaram e desejam de fato se especializar na área com foco em algum segmento.

Os conhecimentos adquiridos serão fundamentais para que o gestor tenha uma boa base para a resolução de problemas, tomadas de decisão e contribuição com a melhoria dos processos.

Por fim, o profissional que deseja atuar como gestor em logística deve ter em mente que, além do conhecimento necessário, como mencionamos, algumas características precisam se fazer presentes no dia a dia da profissão, como:

  • proatividade;
  • dinamismo;
  • boa comunicação;
  • capacidade de trabalhar sob pressão.

Carreira de um Gestor em Logística

Sem um gerenciamento adequado em logística, a organização pode tomar sérios prejuízos, daí a importância de contar com um bom gestor, capaz de encontrar formas inovadoras de atuar na área e ainda conseguir reduzir custos.

O gestor em logística é o responsável por gerir os processos da cadeia de suprimentos, incluindo operações de depósito, armazenagem e distribuição, planejamento, sistemas de logística, atendimento ao cliente, entre outras.

Em outras palavras, ele deve planejar o fluxo dos produtos, desde o primeiro contato com os fornecedores até o momento em que eles são entregues aos clientes.

Tudo isso com um foco em tornar todos esses processos mais enxutos e otimizados, criando condições para que as necessidades dos consumidores sejam sempre atendidas com a devida qualidade.

Objetivos da um Gestão em Logística

A Gestão em Logística tem a finalidade de administrar e controlar o trâmite das compras e armazenamento de insumos/recursos com eficiência e dentro dos padrões de qualidade que os clientes exigem. Esse controle parte desde a aquisição de matérias-primas à entrega do produto acabado para o cliente final.

Características de um Gestor em Logística

Para acompanhar essas transformações, as empresas se adequaram e, claro, os colaboradores precisaram desenvolver competências relevantes para o novo panorama. Para se manter competitivo, o profissional de logística também precisa ficar atento às habilidades exigidas pelo mercado.

Se você procura mais informações sobre o tema, não deixe de ler este conteúdo até o final! Neste post, você conhece as principais habilidades necessárias para alavancar a carreira em logística. Preparado? Boa leitura e bom aprendizado!

1. Liderança – A capacidade de gerir um grupo, extraindo o máximo resultado da equipe, é uma das competências mais valorizadas no mercado. Considerando que um bom líder sabe se comunicar, está preparado para lidar com situações adversas e tem forte foco em resultados, é natural que haja a valorização de profissionais capazes de conduzir o time ao melhor desempenho.

2. Raciocínio lógico – Em logística, o raciocínio lógico desponta como um diferencial importante — e não apenas por conta da afinidade com planilhas, números e informações estatísticas! Quando o profissional consegue pensar de forma rápida e eficiente, também está apto a tomar decisões acertadas em menos tempo, maximizando a eficácia de seu trabalho.

3. Inovação – Em um mundo marcado pela renovação tecnológica, é indispensável que o profissional de logística esteja sempre aberto ao que é novo — e tem potencial para alavancar rotinas e processos. Ao valorizar a inovação, reconhecendo tudo o que ela pode fazer para o crescimento do negócio, o gestor é capaz de enxergar novas maneiras de otimizar o cotidiano operacional.

4. Relacionamento interpessoal – As conexões pessoais são a chave para uma rotina de trabalho mais leve, produtiva e transparente. Nesse aspecto, o profissional de logística precisa adotar e manter uma postura íntegra e interessada, valorizando as pessoas com as quais têm contato — sejam clientes, fornecedores ou equipes.

5. Planejamento – Para fazer frente ao dinamismo que impera nas empresas contemporâneas, o profissional de logística precisa se certificar de priorizar o planejamento de suas ações, assegurando que sejam embasadas em objetivos e dados claros. Quando o planejamento estiver afinado, é mais fácil defender ideias e táticas, além de ter mais segurança ao tomar decisões.

6. Capacidade de adaptação – A habilidade de se adaptar às mudanças é essencial para o bom profissional de logística. Uma vez que o mundo muda e evolui a cada dia (senão a cada minuto), seria ilusório pensar que, ao permanecer o mesmo, um gestor pudesse se manter atualizado e competitivo.

Por isso, é importante que os profissionais desenvolvam um tino apurado para as transformações da área e estejam preparados para enfrentar novos desafios.

7. Visão estratégica – Por fim, embora não menos importante, é crucial que o profissional seja capaz de estruturar um pensamento estratégico e, a partir dele, conceber táticas efetivas para diferenciar seu trabalho e potencializar sua performance.

Entendeu agora por que essas sete características são essenciais para um profissional de logística? Manter-se atualizado, por dentro das novidades e investir em conhecimento nunca é demais quando o objetivo é o sucesso profissional.

Mercado de trabalho de um Gestor em Logística

 De acordo com a empresa especialista em soluções em logística Cargo X, há expectativa de que o setor cresça, gerando oportunidades para aquecer o mercado brasileiro, aumentando o consumo, a demanda e alavancando as operações de diversas empresas.

Área de atuação de um Gestor em Logística

1. Especialista em planejamento da demanda e estoques
2. Armazenamento e embalagem
3. Controller Logístico
4. Gerente de cadeia de suprimentos
5. Especialistas em TMS e WMS
6. Prevenção de Perdas
7. Processos Logísticos e Gestão da Informação
8. Rotas e Meios de Transporte

Quanto ganha um Gestor em Logística?

Hoje quem trabalha como Gestor de Logística ganha em média um salário de R$ 3.630,00.

precisa de ajuda?